segunda-feira, novembro 17, 2008

Entrevista com o Stallman

É interessante perceber a ideia de Software Livre, e ninguém melhor que o próprio fundador do movimento - como sempre, um pouco radical nas palavras, mas o pano de fundo é o que realmente interessa.

Podem ler a entrevista aqui, e perceber ainda mais aqui.

2 comentários:

scheeko™ disse...

É tudo muito bonito, mas depois vais ver a página High Priority Free Software Projects (http://www.fsf.org/campaigns/priority.html) e vês que na lista de projectos prioritários e pelo menos metade é destinado a copiar a funcionalidade de outros que foram desenvolvidos com recursos e ideias que vêm do ambiente comercial.

Ricardo Ramalho disse...

Sim, é verdade, e a ideia é mesmo libertar-te de teres que usar software proprietário, software esse que muitas vezes copia ideias, conceitos e usa o próprio software livre (a Apple é um bom exemplo disso mesmo... usa projectos como o CUPS para imprimir e o Samba para partilha de ficheiros com máquinas windows) para proveito próprio sem dar nada em troca.

Portanto convém perceber exactamente o que é o Software Livre! É uma forma diferente de fazer e distribuir software!

Copiar funcionalidade não me parece errado, aliás é óptimo que isso aconteça! Vai provocar evolução, e abre caminho a interoperabilidade, coisa que geralmente a malta do software proprietário é aversa, por razões mais ou menos óbvias...

Aliás, no próprio ambiente comercial vês isso acontecer... Olha o Windows95 a imitar o OS 7.5 ou o Vista a imitar o OS X em muitos aspectos. É normal copiar conceitos e fazer produtos concorrentes. Qual é o problema de se fazer o mesmo em Software Livre?

E para teres sistemas que sejam na maioria livres, tens que fazer muito copycat de muita coisa...

Ah... O 'Free' do Free Software é Livre de seres Livre, não de ser de borla. Convém esclarecer isso!